Mulheres cegas usam habilidade tátil para detectar câncer de mama precocemente

Por carambola.com.vc - 03/03/2015

Se um sentido falta, outro se desenvolve. É assim que deficientes visuais costumam ter uma audição bastante apurada, bem como habilidades táteis mais desenvolvidas. Na Alemanha, pesquisadores da Universidade de Essen transformaram a deficiência em capacidade, ao treinar mulheres cegas para realizarem exames para detectar nódulos nas mamas de pacientes.

 

O projeto, chamado de Discovering Hands (“Mãos que Descobrem”, em português), oferece um intenso treinamento de nove meses para que deficientes visuais possam se tornar parceiras de ginecologistas na luta contra o câncer de mama. Em estudos realizados, foi comprovado que essas mulheres conseguem perceber nódulos mais facilmente, agilizando o diagnóstico e evitando que a doença passe despercebida. Segundo Frank Hoffmann, um dos responsáveis pela iniciativa, médicos conseguem detectar tumores medindo entre 1 e 1,5 cm, enquanto que as deficientes visuais podem perceber nódulos de até 0,5 centímetros.

Durante os meses de treinamento, elas aprendem a realizar o exame padrão, além de receberem suporte em áreas como psicologia e comunicação – essenciais para lidar com as pacientes. Até agora, a organização já conta com 20 mulheres deficientes visuais que trabalham em 17 hospitais e consultórios da Alemanha.

Leia a matéria completa aqui.