Ataque hacker a Sony Pictures – e as primeiras pistas do vazamento

Por carambola.com.vc - 08/12/2014

A Sony Pictures, que sofreu uma invasão na rede PlayStation Network em 2011, foi novamente invadida em novembro. Desde então, os hackers começaram a distribuir cerca de 100 TB de dados confidenciais da empresa, como projetos em andamento, dados pessoais de atores contratados, orçamentos de longas e filmes da produtora que nem chegaram as telas de cinema.

Os últimos vazamentos mostram que a Sony guardava milhares de senhas em pastas e arquivos abertos sem nenhum tipo de criptografia. A maioria desses arquivos estavam em uma pasta chamada “Passwords” (senhas, em inglês) e, para piorar a situação, eram senhas para acesso aos perfis da empresas nas redes sociais. Isso tudo levou a questionamentos sobre a segurança da empresa, que vem revelando ser muito vulnerável e negligente.

Agora, o ataque hacker atingiu os funcionários com o envio de cartas ameaçando-os de morte. Segundo fontes próximas à Variety, a carta orientava os funcionários a desligar seus telefones após receber a mensagem, que pedia a assinatura que os colocava contra a empresa. “Se não fizer isso, não só você, mas sua família inteira estará em perigo“, acrescentava a carta.

Ainda é um mistério a origem desse ataque, mas as suspeitas de que os vazamentos começaram no hotel St. Regis Bangkok, na Tailândia começaram a aparecer. Além disso, pelo menos um servidor de comando e controle na Bolívia foi usado no ataque, segundo a Symantec.